Federação de Futebol do Estado do AcreHISTÓRIA DA EXTINTA LIGA ACREANA E DOS CERTAMES INDEPENDENTES


História História da LAET 1ª Divisão Artilheiros 1ª Div. 2ª Divisão Campeões da LAET Outras Competições Maiores Goleadas Presidentes Arquivo    + ESTADUAIS

       

Certames independentes
Antes mesmo da criação de uma mentora, que pudesse apoiar e dirigir os clubes, as únicas equipes de futebol existentes em Rio Branco já realizavam partidas entre si válidas por um certame anual, onde, no final da temporada, uma equipe sairia como campeã. Foi assim o que aconteceu com as quatro equipes esportivas existentes em 1919: Militar Football Club, Acreano Sporting Club, Rio Branco Football Club e Ypiranga Sport Club.

Associação Athlética Acreana (Pipiras)
O time do Pipiras. Foto: créditos JWA

Pelas sucessivas partidas disputadas entre julho e dezembro de 1919, a equipe do Rio Branco Football Club sagrou-se campeã. Só essa equipe no primeiro ano de sua existência disputou 09 jogos marcando 36 gols e levando 03. O vice-campeonato ficou com o Ypiranga Sport Club.

O segundo certame (1920) riobranquense de futebol teve início dia 9 de maio na Praça Esportiva Rodrigues Alves. As equipes inscritas ao título de 1920 foram Rio Branco Football Club, Militar Football Club (Team Militar), Acreano Sporting Club, Ypiranga Sport Club, Associação Athlética Acreana (Piripas), Catuaba Futebol Clube e Brasil Esporte Athlétic.

O certame anual haveria de ter sido iniciado na tarde de domingo, 9 de maio, mas devido às modificações que a Praça Esportiva Rodrigues Alves teve, o inicio só aconteceu dia 30 do mesmo mês entre Rio Branco e Acreano Sporting Club, com vitória do time estrelado (apelido do Rio Branco) por 4 a 2. Com a menor contagem de pontos perdidos, o Ypiranga sagrou-se a grande campeã do certame de 1920; o Rio Branco foi o vice campeão.

Campeonatos da Liga Acreana de Sports Terrestres - LAET
No ano seguinte foi criada a Mentora do futebol acreano, a Liga Acreana de Sports Terrestres (LAET), e com ela o esporte ganhou em organização, tanto que, para o novo certame só disputariam o título as equipes que tinham suas organizações estatutárias em dia e seus atletas devidamente registrados no clube e inscritos na Mentora. Deixaram de fazer parte do novo certame as equipes do Militar, Associação Athlética Acreana, Catuaba FC e do Brasil EA. Assim, disputariam o primeiro título oficial da Liga somente as equipes do Rio Branco, Acreano Sporting Club e Ypiranga SC.

Quem revela os acontecimentos desse certame oficial é José Chalub Leite:
"Não riam: mesmo com três clubes filiados, promoveu a Liga o Torneio Initium, no dia 9 de junho. Eram os primeiros jogos oficiais do Rio Branco. Falta-nos registros de duração desses jogos do torneio inaugural do campeonato, existem porém, os resultados: Rio Branco 10 x 0 Acreano. O segundo jogo, decidindo o primeiro título oficial em favor do estrelado, terminou em 2x0, em cima do Ypiranga".

Com a extinção de vez do Militar Football Club e do Acreano Sporting Club após o encerramento do certame, ambas em 1921, ficou impossível a realização da mesma competição no ano seguinte, o segundo, haja vista, estarem legalizadas perante a Liga somente as equipes do Rio Branco e Ypiranga. A crise foi considerável a tal ponto que entre 1922 a 1927 não houve o Certame Riobranquense de Futebol Amador; só no ano seguinte, em 1928, ano em que o Rio Branco sagrou-se campeão.

No ano seguinte a crise volta; é que o presidente da Liga, Amanajós Araújo, institui a partir de 1930, o verdadeiro campeonato da cidade. A reunião da Liga que decidiu essa nova fase do futebol riobtranquense ocorreu no dia 28 de junho de 1930. Com essa decisão, a diretoria do Rio Branco resolveu desligar-se da Liga, ficando somente a disputa daquele que seria o primeiro campeonato acreano de futebol de 1930, pela Associação Athlética Acreana (Pipiras) e Associação Athletica Militar, que se sagrou campeã da Liga neste ano; consequentemente, o vice-campeonato ficou com o time do Pipiras. As duas equipes estavam em dia com as exigências da Liga.

Com a volta do Rio Branco ao gramados em 1934 é dado reinício aos campeonatos da Liga até sua última edição em 1946. Entre o ano de 1934 e a fundação da futura e nova Mentora do futebol acreano, a Federação Acreana de Desportos, em 1947, novos times de futebol são fundados.


Agradecimentos: "Nossos mais sinceros agradecimentos ao presidente da FFAC (em 2011), sr. Antônio Aquino Lopes, que nos cedeu um exemplar da histórica revista do Futebol Acreano".

Sidney barbosa da SilvaPesquisas de Sidney Barbosa da Silva.
Fonte: Futebol Acreano em Revista, nos Arquivos www.campeoesdofutebol.com.br.
Página adicionada em 13/Janeiro/2013.

 

Shopping Campeões do Futebol