Campeões do Futebol
Pesquisa personalizada

ADPump

--
Internacional Campeão Sulamericana 2008

A CONQUISTA DO INTER NA SULAMERICANA 2008


Clique na imagem e pegue o poster do campeão da Sulamericana 2008
  História     |     Títulos     |     Hino     |     Simbolos     |     Estádio     |     Maiores Públicos
  Campanhas     |     Gre-Nal     |     Foto Galeria     |     Diversos                         + CLUBES
Há quatro anos sem derrota na Sul-Americana

Foi em 2005, contra o Boca Juniors, a última derrota do Inter na Copa Sul-Americana. Na campanha vitoriosa de 2008, o time levantou o troféu de forma invicta.

Campanha do Internacional na Copa Sul-Americana 2008

10 jogos
5 vitórias
5 empates
0 derrotas
16 gols marcados
6 gols sofridos
66,66% de aproveitamento

Jogos do Internacional - Copa Sul-Americana 2008

Internacional 1 X 1 Grêmio - (Beira-Rio, Porto Alegre)

Grêmio 2 X 2 Internacional - (Olímpico, Porto Alegre)

Universidad 1 X 1 Internacional - (San Carlos, Santiago, Chile)

Internacional 0 X 0 Universidad - (Beira-Rio, Porto Alegre)

Internacional 2 X 0 Boca Juniors - (Beira-Rio, Porto Alegre)

Boca Juniors 1 X 2 Internacional - (La Bombonera, Buenos Aires)

Chivas 0 X 2 Internacional - (Jalisco, Guadalajara, México)

Internacional 4 X 0 Chivas - (Beira-Rio, Porto Alegre)

FINAIS

Estudiantes 0 X 1 Internacional - (Ciudad de La Plata, Argentina, La Plata), em 26 de novembro de 2008

JOGO DO TÍTULO

INTERNACIONAL 1 X 1 ESTUDIANTES - (Beira-Rio, Porto Alegre), em 03 de dezembro de 2008
Público: 51.803 / Renda: R$ 1.043.995,00
Gols: Alayes (E), aos 20min do segundo tempo do tempo normal, Nilmar (I), aos 8min do segundo tempo da prorrogação.
Arbitragem: Jorge Larrionda, auxiliado por Pablo Fandiño e Wálter Rial (trio uruguaio).
Cartões amarelos: Alayes, Benitez, Braña (E), Magrão, D´Alessandro, Gustavo Nery, Lauro (I). Expulsões: Agenor (I, banco de reserva)), Braña, Boselli (E).

Internacional: Lauro; Bolívar, Danny Morais, Álvaro e Marcão; Edinho, Magrão (Sandro), Andrezinho (Gustavo Nery) e D´Alessandro; Alex (Taison) e Nilmar. Técnico: Tite.

Estudiantes: Andújar; Angeleri, Alayes, Desábato e Cellay; Braña, Ibérbia (Perez), Verón (Moreno y Fabianesi) e Benitez; Boselli e Fernandez (Calderon). Técnico: Leonardo Astrada.

Foi uma final de arrepiar. No tempo normal, derrota por 1 a 0 para o Estudiantes La Plata. O resultado obrigou a realização de uma emocionante prorrogação de 30 minutos. Aos 8min do segundo tempo do tempo extra, Nilmar marcou o gol que garantiu a conquista do título inédito: 1 a 1, resultado que servia ao Inter, já que havia vencido o jogo de ida na Argentina por 1 a 0. O Inter foi o primeiro clube brasileiro a erguer a taça da competição. Nos seus 99 anos (na época), o clube conquistou todos os títulos que disputou.
  História     |     Títulos     |     Hino     |     Simbolos     |     Estádio     |     Maiores Públicos
  Campanhas     |     Gre-Nal     |     Foto Galeria     |     Diversos                         + CLUBES
Sandro BernardesPesquisas de Sandro Bernardes; colaboração de Sidney Barbosa da Silva
Fontes: www.internacional.com.br/view.php?page=9713; e www.internacional.com.br/view.php?page=7953
Página adicionada em 22 de setembro de 2009; atualizada em 23/Setembro/2013.

ADPump

  CAMPEÕES   ESPECIAIS
  + ESPECIAIS   + FUTEBOL
   Home      Historiadores      Blog Campeões      Loja Campeões
  Arquivo Campeões do Futebol - Desde 2005 | Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva | Hospedagem SBSites Brasil
 
  * Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador