Feito histórico: Palmeiras eliminou os argentinos na semifinal da Libertadores de 1999 e 2020.
No total foram 15 jogos (4 pela Copa Libertadores); 4 vitórias do Palmeiras (2 pela Copa Libertadores); 3 empates (0 pela Copa Libertadores); 8 derrotas do Palmeiras (2 pela Copa Libertadores). Total de 52 gols, 29 do River e 23 da SE Palmeiras.

Na ordem: Data, Resultado, Competição, Local

21/02/1935- Palestra Itália 1 x 2 River Plate, Amistoso, no estadio Palestra Itália

18/12/1946- Palmeiras 2 x 1 River Plate, Amistoso, n/d

04/02/1947- Palmeiras 1 x 3 River Plate, Taça do Atlântico, em Montevideu/URU

09/02/1947- Palmeiras 0 x 6 River Plate, Amistoso, n/d

18/01/1948- Palmeiras 1 x 2 River Plate, Amistoso, n/d

18/09/1948- Palmeiras 1 x 2 River Plate, Amistoso, n/d

28/02/1967- Palmeiras 0 x 2 River Plate, Amistoso, n/d

19/05/1999- Palmeiras 0 x 1 River Plate, Taça Libertadores, em Buenos Aires/ARG

26/05/1999- Palmeiras 3 x 0 River Plate, Taça Libertadores, em São Paulo/SP

27/07/1999- Palmeiras 3 x 3 River Plate, Copa Mercosul, em Buenos Aires/ARG

02/09/1999- Palmeiras 3 x 0 River Plate, Copa Mercosul, em São Paulo/SP

28/07/2001- Palmeiras 2 x 2 River Plate, Copa Mercosul, em São Paulo/SP

26/09/2001- Palmeiras 3 x 3 River Plate, Copa Mercosul, em Buenos Aires/ARG

05/01/2021- Palmeiras 3 x 0 River Plate, Taça Libertadores 2020, em Avellaneda (Grande Buenos Aires)/ARG
Gols: Rony 27, Luiz Adriano 47, Matías Viña 62.

12/01/2021- Palmeiras 0 x 2 River Plate, Taça Libertadores 2020, Allianz Parque, em São Paulo/SP.
Árbitro: Esteban Ostojich (URU); Assistentes: Richard Trinidad (URU) e Martin Soppi (URU); Quarto Árbitro: Gustavo Tejera (URU)
Cartões Amarelos: Danilo, Alan Empereur, Luan, Marcos Rocha (PAL); Rojas, Borré (RIV)
Cartão Vermelho: Vitor Castanheira (PAL); Rojas (RIV)
Gols: Rojas, aos 28; e Borré, aos 43 minutos do primeiro tempo.
PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha (Kuscevic), Gustavo Gómez (Luan), Alan Empereur e Viña; Danilo (Raphael Veiga), Gabriel Menino e Zé Rafael (Emerson Santos); Gustavo Scarpa (Breno Lopes), Rony e Luiz Adriano. Técnico: Abel Ferreira
RIVER PLATE: Armani; Montiel, Rojas, Díaz, Pinola (Girotti) e Angileri (Casco); Nacho Fernández, Enzo Pérez e De La Cruz (Alvaréz); Borré e Suárez. Técnico: Marcelo Gallardo.


Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva.
Fonte: Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br.
Página adicionada em 14/Agosto/2008 - atualizada em 13/Janeiro/2021.