TroféuHISTORIA DA SUPERTAÇA
Na época 1943/44 foi realizado um jogo entre o campeão de Portugal (Sporting) e o vencedor da Taça (Benfica) para inaugurar o Estádio Nacional. Era suposto que a competição chamada Taça Império (não confundir com Taça do Império que foi o primeiro nome da Taça de Portugal) fosse disputada a partir desse ano, mas foi cancelada.

A Supertaça, nome sob o qual se disputaram as primeiras edições, começou de forma não oficial na temporada de 1978/79, tendo-se jogado entre o Boavista (Vencedor da Taça) e o FC Porto (Campeão Nacional); o troféu foi conquistado pelo Boavista que vence por 2 a 1.

Na temporada seguinte voltou a realizar-se, desta vez entre o Sporting e o Benfica. Este foi o último torneio não oficial e o primeiro que se jogou em dois jogos.

Tendo esta competição alcançado um sucesso digno de registro em ambas as edições, a Federação Portuguesa de Futebol decidiu chamar a sí a organização do evento, determinando que se realizaria todos os anos, em dois jogos, e passaria a se chamar "Supertaça Cândido de Oliveira", em homenagem a Cândido de Oliveira.

As regras diziam que seriam realizados dois jogos e que ganharia a taça o clube que conseguisse o melhor resultado no conjunto das duas partidas. Se ocorresse um empate na soma dos dois jogos, um terceiro jogo seria realizado em campo neutro. Esta situação aconteceu por seis vezes (1983/84, 1990/91, 1992/93, 1993/94, 1994/95 e 1999/2000), sendo que, na temporada de 1983/84, o desempate foi também realizado em dois jogos, num total de quatro jogos disputados.

Levando em consideração um contínuo desinteresse pela torneio e de modo a se conseguir a redução de jogos por ano, a Federação decidiu que a partir da temporada 2000/01, apenas se disputaria um jogo para a atribuição do troféu, realizando-se este, num campo neutro escolhido pela própria.

Ano Campeão Final Vice
2020 Porto 2x0 Benfica
2019 Benfica 5x0 Sporting
2018 Porto 3x1 Deportivo Aves
2017 Benfica 3x1 Vitoria SC Guimarães
2016 Benfica 3x0 Sporting Braga
2015 Sporting 1x0 Benfica
2014 Benfica 0x0 (3x2 penais) Rio Ave
2013 Porto 3x0 Vitória de Guimarães
2012 Porto 1x0 Académica de Coimbra
2011 Porto 2x1 Vitória de Guimarães
2010 Porto 2x0 Benfica
2009 Porto 2x0 Paços Ferreira
2008 Sporting 2x0 Porto
2007 Sporting 1x0 Porto
2006 Porto 3x0 Vitória de Setúbal
2005 Benfica 1x0 Vitória de Setúbal
2004 Porto 1x0 Benfica
2003 Porto 1x0 União Leiria
2002 Sporting 5x1 Leixões
2001 Porto 1x0 Boavista
2000 Sporting 1x1,0x0,1x0 Porto
1999 Porto 2x1, 3x1 Beira Mar
1998 Porto 1x0, 1x1 Braga
1997 Boavista 2x0, 0x1 Porto
1996 Porto 1x0, 5x0 Benfica
1995 Sporting 0x0,2x2,3x0 Porto
1994 Porto 1x1,0x0,1x0 Benfica
1993 Porto 0x1,1x0,2x2 Benfica
1992 Boavista 2x1, 2x2 Porto
1991 Porto 1x2,1x0,1x1 Benfica
1990 Porto 1x2, 3x0 Estrela da Amadora
1989 Benfica 2x0, 2x0 Belenenses
1988 Vitoria Guimarães 2x0, 0x0 Porto
1987 Sporting 3x0, 1x0 Benfica
1986 Porto 1x1, 4x2 Benfica
1985 Benfica 1x0, 0x0 Porto
1984 Porto 1x0,0x1,3x0,1x0 Benfica
1983 Porto 0x0, 2x1 Benfica
1982 Sporting 1x2, 6x1 Braga
1981 Porto 0x2, 4x1 Benfica
NÃO OFICIAIS
1980 Benfica 2x1, 2x2 Sporting
1979 Boavista 2x1 Porto
1944 Sporting 3x0 Benfica

Rui BastosPesquisas dos campeões, história da competição e resultados realizadas por Rui Manuel da Silva Bastos; pesquisas das súmulas das partidas foram realizadas por José Guilherme Rodrigues; atualizações, a partir de 2009, feitas por Sidney Barbosa da Silva
Página adicionada em 16 de maio de 2008; atualizada em 23/Dezembro/2020.