Abaixo matéria completa do Jornal Estado de Minas Gerais de 16 de janeiro de 1931 (página 6) sobre os campeões da cidade que dizia, à época, que o campeonato de 1925, vencido pelo América, foi cancelado. Mas pode ser que "posteriormente" ele foi homolagado ao clube, já que no site da Federação é dado ao América.

Taças, taças e mais taças !

A Liga Mineira vae premiar os seus campeões desde 1918 até 1930 - Um trabalho intelligente dos srs. Antonio Kneipp Rodrigues e Adão Lopes

A nossa entidade maxima vae entregar os premios que conquistaram os nossos clubs no periodo de 1918 a 1930.

Para isto já adquiriu na Joalheria Diamantina, os tropheos, taças e medalhas, e fará a entrega ainda este mez, talvez no domingo, 25.

O trabalho para apurar quaes os campeonatos ganhos pelos club que receberão os premios, foi feito pelos srs. Antonio Yemeiy Rodrigues e Adão Lopes, que dirigiu ao sr. presidente da Liga Mineira, o seguinte oficio:

Exmo. sr. presidente da Liga Mineira de Desportos Terrestres.

Desobrigando-nos da incumbencia que nos foi comettida, vimos dar contas a v. excia. do resultado a que nos conduziu o exhaustivo exame que fizemos em todo o Archivo da Liga, afim de apurar quaes os clubs ainda credores de premios estabelecidos nas nossas leis esportivas para os vencedores de campeonatos.

O campeonato de football, o unico que se tem regularmente disputado na Liga Mineira, conta, até agora, desde que foi instituido, os seguintes vencedores:
PRIMEIRA DIVISÃO
Primeiros quadros:
Em 1915, 1926 e 1927 - o Club Athletico Mineiro.
Em 1916, 1917, 1918, 1919, 1920, 1921, 1922, 1923 e 1924, - o America F. C.
Em 1928, 1929 e 1930 - a S. S. Palestra Italia.

Segundos quadros:
Em 1915 - o Yale A. C., hoje extincto.
Em 1916, 1917, 1918, 1919, 1920, 1921 e 1924 - o America F. C.
Em 1923, 1927, 1928 e 1929 - o Club Athletico Mineiro.
Em 1926 - o S. C. Calafate.
O campeonato de 1925, do qual poucos jogos se realizaram foi considerado inexistente para todos os effeitos em reunião conjuncta da directoria da Liga, com os presidente dos clubs interessados (Acta de 18 de dezembro de 1925).

Segundo os estatutos de 1915 e 1916, ao clube vencedor do campeonato annual (primeiros quadros apenas) cabia um premio, de que o detentor teria posse definitiva, si mantivesse o titulo de campeão durante tres annos seguidos ou conquistasse o campeonato em quatro annos intercalados.

Em consequencia da reforma das nossas leis em 5 de dezembro de 1917, passou o vencedor do campeonato dos primeiros quadros a ter direito ao diploma de campeão de Futebol de Bello Horizonte, a uma medalha de ouro, de cunho official, e á Taça Liga Mineira, de posse definitiva para o campeão tres vezes seguidas ou quatro intercaladas.
,br>Para o campeão dos segundos quadros, foi creada uma Taça, de acordo com o qual ao campeão dos primeiros quadros da primeira divisão se devia conferir o diploma de campeão de Bello Horizonte, a Taça Liga Mineira e uma medalha de ouro, de forma e peso determinados pela Directoria, sendo a Taça definitivamente entregue ao clube vencedor duas vezes consecutivas ou tres não consecutivas. Ao vencedor do campeonato dos segundos quadros (torneio) da referida divisão, cabia a Taça denominada "Campeão dos Segundos Quadros" de posse desde logo definitiva (Arts. 21, 22, 23 do Regulamento de Futebol, annexo ao Codigo de Esportes, de 1927).

Presentemente, o campeão dos primeiros quadros na primeira divisão deve receber o titulo de Campeão da Primeira Divisão, no esporte em que for vencedor, e a Taça, de que terá posse definitiva se victorioso dois annos seguidos ou tres intercalados. O campeão dos segundos quadros tem direito ao titulo correspondente, no esporte em que tambem for vencedor. (Capitulo IV do Codigo Esportivo de 1930).

Apuramos que ao Club Athletico Mineiro foi entregue o premio relativo ao campeonato de 1915 (medalha de bronze), premio que teve caracter definitivo, ao contrario do que dispunha a lei, provavelmente por se tratar do primeiro campeão da recem-creada Liga Mineira de Sportes Athleticos.

O America F. C. recebeu apenas as Taças referentes aos campeonatos que os seus dois quadros conquistaram até 1921. Inclusivé. (V. acta da assembléa geral, realizada em 14 de janeiro de 1922).

A Liga Mineira é, pois, responsavel ainda pela entrega dos seguintes premios:

AMERICA F.C.
Campeonato dos primeiros quadros - Taça Liga Mineira, de posse definitiva, correspondente aos campeonatos de 1922, 1923, 1924; diplomas de Campeão de Futebol de Bello Horizonte nos annos de 1918, 1919, 1920, 1921, 1922, 1923 e 1924; sete medalhas de ouro relativas a esses mesmos annos.

Campeonato dos segundos qudros - Uma taça e uma medalha de prata pelo campeonato de 1924.

AO CLUB ATHLETICO MINEIRO
Campeonato dos primeiros quadros - Diplomas de Campeão de Bello Horizonte em 1926 e 1927; Taça Liga Mineira, de posse definitiva, e duas medalhas de ouro.
Campeonato dos segundos quadros - Taça definitiva e uma medalha de prata quanto ao campeonato de 1923; tres taças denominadas Campeão dos Segundos Quadros, referente aos campeonatos de 1927, 1928 e 1929.

AO S. C. CALAFATE
Campeonato dos segundos quadros - Uma taça e uma medalha de prata correspondentes ao campeonato de 1926.

AO PALESTRA ITALIA
Campeonato dos primeiros quadros - Diplomas de Campeão de Bello Horizonte, Taça Liga Mineira, de posse definitiva e duas medalhas de ouro, quanto aos campeonatos de 1928 e 1929; titulo de Campeão de Futebol dos primeiros quadros da Primeira Divisão e taça de posse temporaria, quanto ao campeonato de 1930.
Campeonato dos segundos quadros - Titulo de Campeão de Futebol dos segundos quadros da Primeira Divisão, em 1930, e uma taça e uma medalha de prata pelo campeonato de 1922.

SEGUNDA DIVISÃO
Na segunda Divisão conquistaram o campeonato (primeiros quadros) o Santa Cruz F. C. e o Fluminense F. C., o primeiro em 1928 e o segundo em 1929 e 1930.
O Santa Cruz teria de receber em 1928 a respectiva Taça, para conserva-la até o anno seguinte, quando passaria para o Fluminense, que a ella tem direito agora como premio definitivo, por ter sido vencedor dois annos consecutivos.
Era o que dispunha a lei anterior e foi reproduzido na actual, que ainda manda conferir ao club vencedor de cada campeonato o respectivo titulo.

Ao Alves Nogueira F.C., vencedor do campeonato dos segundos quadros em 1930 cabe tambem o titulo de Campeão dos Segundos Quadros de Futebol da Segunda Divisão.
Cumpre notar que para a Segunda Divisão (Serie B em 1927, 1928 e 1929) as leis da Liga, até o Codigo de 1927, não estabeleciam premio algum.
É o que podemos submetter á consideração de v. excia., a quem apresentamos os protestos de nossa mais elevada consideração.
Bello Horizonte, 7 de janeiro de 1931.
(aa) Adão Lopes. - A. Kneipp Rodrigues.


Fonte consultada: Jornal Estado de Minas Gerais de 16 de janeiro de 1931 (página 6)
Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva - Página adicionada em 08 de setembro de 2010.