LDU Quito bate Internacional e conquista Recopa Sul-Americana



História do Internacional Recopa Sulamericana   + Artigos / Noticias


O Internacional perdeu na noite desta quinta-feira para a Liga Deportiva Universitária (LDU) no estádio Casa Blanca de Quito por 3 a 0 e, como apenas a vitória interessava, o título da Recopa Sul-Americana ficou com os equatorianos.

O time gaúcho havia perdido a partida de ida por 1 a 0 em pleno estádio Beira-Rio. Foi o segundo título que o Inter deixou escapar no ano, após ser derrotado pelo Corinthians, na semana passada, na final da Copa do Brasil.

Atuais campeões da Libertadores, os equatorianos já começaram pressionando e logo aos 9 minutos abriram o placar, com Carlos Espinola. Após cobrança de escanteio, o zagueiro cabeceou forte para marcar.

Com muita velocidade, a LDU chegou ao segundo gol ainda no primeiro tempo. Aos 39, Claudio Bieler, após falha da zaga colorada, cabeceou para o chão no canto esquerdo do goleiro Lauro e ampliou.

Precisando de três gols para ser campeão, o Inter, último campeão da Copa Sul-Americana, viu suas chances ficarem ainda menores aos 8 da segunda etapa. Após cruzamento da esquerda, Vera recebeu na área e chutou firme, a bola desviou no zagueiro Danny Moraes e entrou sem chances de defesa para Lauro.

O técnico Tite ainda se esforçou para mudar a postura do time em campo, colocando Andrezinho, Alecsandro e Bolaños. Apesar de ter tido algumas chances, colorado não soube aproveitar e o placar acabou mesmo com 3 a 0 para os equatorianos.

O Inter agora concentra suas forças no Campeonato Brasileiro, onde é líder com 20 pontos, dois a mais que o Atlético Mineiro.

Ficha da Partida: LDU QUITO 3 x 0 INTERNACIONAL
Estádio: Casa Blanca (Quito) - Público: 40.000
Árbitro: Carlos Chandía, auxiliado por Cristian Julio e Lorenzo Acuña (trio chileno)
Gols: Carlos Espínola (10), Claudio Bieler (40) e Enrique Vera (54)
Cartões Amarelos: Norberto Araujo (77)

Internacional: Lauro - Danilo, Índio, Danny, Kléber - Glaydson (Andrezinho, 46), Magrão, Pablo Horacio Guiñazú, Andrés D'Alessandro (Luis Bolaños, 73) - Taison (Alecsandro, 53) e Nilmar. Técnico: Tite.

Liga de Quito: Alexander Domínguez (José Cevallos, 64) - Jairo Campos, Norberto Araujo, Paúl Ambrossi, Ulises de la Cruz - Néicer Reasco, Carlos Espínola, Patricio Urrutia, Enrique Vera (William Araujo, 82) - Christian Lara (Claudio Graf, 77) e Claudio Bieler. Técnico: Jorge Fossati.


Sidney Barbosa da SilvaPor Sidney Barbosa da Silva.
Página adicionada em Sexta-feira, 10/Julho/2009.
Fonte: esporte.uol.com.br

 

Shopping Campeões do Futebol

Ir ao Topo