HISTÓRIA DO UNIÃO SÃO JOÃO


União São JoãoUNIÃO SÃO JOÃO ESPORTE CLUBE
Fundado em 14 de Janeiro de 1981
Endereço: Avenida Ferdinando Pietro Pavan, 123
CEP 13606-020 - Araras/SP
Estádio Dr. Hermínio Ometto
Site Oficial: www.uniaosaojoao.com (Desativado)


História Títulos Hino Foto Galeria Arquivo   + Clubes

       

O União São João Esporte Clube, time da cidade de Araras, foi fundado no ano de 1981 pelo empresário Hermínio Ometto, mas sua história começou muito antes. Com o nome de Sociedade Esportiva e Recreativa Usina São João de Araras, o clube, fundado em 8 de janeiro de 1953, disputou a terceira divisão do Campeonato Paulista entre os anos de 1961 e 1964. Nessa época, o proprietário da Usina São João, Hermínio Ometto, propôs uma fusão com os outros dois times da cidade: o Ararense e o Comercial. Porém, por conta da rivalidade entre ambos, a fusão acabou não acontecendo.

Apenas 20 anos depois, Ometto conseguiu concretizar seu sonho, quando fundou, com apoio de um grupo de funcionários da Usina São João, em Araras, no dia 14 de janeiro de 1981, o União São João Esporte Clube, como é conhecido hoje. No ano seguinte, o time foi convidado a participar da Segunda Divisão do Campeonato Paulista.

O União São João conquistou seu primeiro título em 1987, ao vencer o São José por 1 a 0 no Campeonato Paulista da Série A2. Em 1988, garantiu o segundo título: o Campeonato Brasileiro da Série C e, no dia 18 de maio do mesmo ano, o clube inaugurou o Estádio Hermínio Ometto, com capacidade para 16 mil pessoas, substituindo o estádio Engenheiro Grande (15 mil espectadores) que utilizava até então. Em 1991, venceu a Copa Benedito Teixeira e, em 1992, conseguiu o acesso para a elite do futebol brasileiro.

Em 1995 foi rebaixado do Brasileirão Serie A, conseguiu retornar aos grandes campeonatos em 1996, quando conquistou o título do Campeonato Brasileiro da Série B. Entretanto, o clube acabou sendo rebaixado novamente no ano seguinte. Em 2004, a equipe teve outro descenso na competição nacional, desta vez para a terceira divisão. Na competição estadual, o União São João conseguiu manter-se na elite até 2005, quando foi rebaixado para a Série A2.

Neste período fez boas campanhas em todos os anos, deixando o acesso à elite escapar por pouco. Em 2006, ficou um ponto atrás do Guaratinguetá na fase decisiva. Após ter a segunda melhor campanha na primeira fase de 2007, sucumbiu na reta final, assim como em 2008, 2009 e 2010, quando fez a melhor campanha da primeira fase e mais uma vez não conquistou o acesso.

Na temporada 2011, o União São João não obteve sucesso no estadual, ficando na quinta colocação e não conseguindo a classificação devido aos critérios técnicos do torneio. No segundo semestre, a equipe de Araras disputou a Copa Paulista, mas numa campanha ruim o União São João ficou na última colocação do seu grupo.

 
Escudo do União São João em 1988
Escudo do União em 1988. Fonte: Revista Placar 15/Jan/1988.

Primeiro Mascote do União São João
1° mascote do clube foi o Dragão - 1981 a 1995.

Arara mascote do União São João
Em 1995 o Dragão foi substituido pela Arara
 
Em 2012, o União São João escreveu um dos mais tristes capítulos da sua história. Após inicio ruim no estadual da Série A2, a equipe de Araras não conseguiu se recuperar no torneio e terminou a competição na 19ª colocação, culminando assim, com rebaixamento para a Série A3. A temporada de 2013 não foi melhor e após fazer a pior campanha na Série A3 acabou sendo rebaixado mais uma vez. Depois da disputa da 4ª divisão paulista em 2014, licenciou-se devido a uma dívida de cerca de 15 milhões de reais.

Participação em competições oficiais

• 4ª Divisão do Campeonato Paulista em 2014;
• Série A3 (3ª Divisão) do Campeonato Paulista em 1981 e 2013;
• Série A2 (2ª Divisão do Campeonato Paulista de 1982 a 1987, 2006 à 2012
• Série A1 (1ª Divisão do Campeonato Paulista de 1988 a 2005;
• 3ª Divisão do Campeonato Brasileiro em 1988, 2004 e 2005;
• 2ª Divisão do Campeonato Brasileiro em 1989, 1992, 1996, 1998 a 2003;
• 1ª Divisão do Campeonato Brasileiro em 1993, 1994, 1995 e 1997.

Jogadores revelados no clube

Poucos Clubes do Futebol Brasileiro ostentam uma história de sucesso semelhante a do União de Araras. O grande investimento na revelação de novos jogadores e o trabalho desenvolvido com seriedade no futebol profissional mostraram que o caminho escolhido pela administração do clube foi um dos melhores.

O clube ganhou notoriedade por revelar, além de Roberto Carlos, outros jogadores importantes no cenário do futebol nacional como Alexandre, um dos grandes craques do time da década de 90, Adinam, goleiro que sofreu o primeiro gol da carreira de Rogério Ceni, Léo, lateral-esquerdo ex-Santos, Fabrício, ex-volante de São Paulo, Corinthians e Cruzeiro, Danilo Sacramento, ex-Guarani e Ponte Preta, Privati, Paulo Magno, Osmar e Luan, este último que voltou ao Palmeiras na temporada 2016.

PRIMEIRO CLUBE-EMPRESA

Administrado pelo Empresário da Construção Civil, José Mário Pavan, o União de Araras entrou para a história do futebol brasileiro como a primeira agremiação esportiva a se transformar em clube-empresa em 1994, ainda quando a Lei Zico vigorava.

Diferente dos grandes clubes brasileiros ainda administrados por dirigentes Amadores, o União de Araras foi gerido por Executivos especializados em cada uma de suas áreas, sendo estes cobrados em seu aproveitamento como em qualquer empresa.

UMA MODERNA ESTRUTURA

Com sede em Araras, município de São Paulo, o clube conta com um Centro de Treinamento instalado numa área de 41.000 m², dotado de três gramados, anexos ao seu Estádio de futebol, o Hermínio Ometto, que abriga 16.500 torcedores acomodados confortavelmente (Foto abaixo).

Estádio Erminio Ometto, do União de Araras

FECHANDO AS PORTAS

A realidade, no entanto, nada se assemelha a do passado do glorioso clube em que sonhava em ser o Palmeiras. Mergulhado em uma crise financeira sem precedentes, o clube fechou as portas para "organizar a casa", palavras publicadas em sua página oficial do Facebook, no dia 3 de fevereiro de 2015 e espera investimentos de empresários ou, até mesmo, o próprio Roberto Carlos, que já fechou uma parceria com o clube em agosto do ano passado, para recomeçar no futebol e, quem sabe, voltar a figurar entre os clubes mais importantes do interior paulista.


Pesquisas realizadas por Sidney Barbosa da Silva
Fontes: www.futebolpaulista.com.br; www.uniaomania.com; www.uniaosaojoao.com (desativado); Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br; Revista Placar de 15/Jan/1988.
Página adicionada em 28/Novembro/2016.

 

Recomendado para você

 

Pesquisa personalizada

 

 

Livros Digitais Campeões do Futebol

Ir ao Topo