Arquivo
  Especiais
  + Futebol
Rubro Negro Moto Club de São Luis
Fundado em 13 de setembro de 1937
Endereço: CT Dr. José Pereira dos Santos - Rua Ubatuba, 55
São José de Ribamar/MA
Estádio Estádio Municipal Nhozinho Santos, em São Luis (alugado)
Site: não disponivel
  História   |   Títulos   |   Hino   |   Diversos                                   + CLUBES
História
  História     |     Linha do Tempo     |     Arquivo
Foi fundado no dia 13 de setembro de 1937, na casa do Sr. César Alexandre Aboud, na Rua da Paz, n° 846, no Centro da Cidade de São Luís do Maranhão, com o nome de "Cicle Moto de São Luís". A agremiação tinha a finalidade de promover os esportes de duas rodas: o motociclismo e o ciclismo. A primeira diretoria foi composta por Capitão José de Ribamar Campos (Presidente), Capitão Aluísio de Andrade Moura (Vice-Presidente), Raimundo Baima (1° Secretário), Nagib Moucherek (2° Secretário) e Antenor Monroe (Tesoureiro). As cores escolhidas para a nova entidade eram o verde e o branco.

O futebol só estaria presente na vida do clubes dois anos depois, por influência de César Aboud, trocando as cores do clube para o vermelho e preto. Em 17 de setembro de 1939 faria sua primeira partida amistosa contra o Ateneu Teixeira Mendes, clube campeão estudantil, empatando pelo placar de 1 a 1 - Bibi foi o autor do primeiro gol da história do clube que jogou com Wilson, Jaime e Adolfo; Pavão, Feliciano e Mozabá; Bibi, Elvitre; Leônidas, Ary e Bilau.

O Moto Club filiou-se à Federação Maranhense de Desportos no ano de 1940, participando do Campeonato Maranhense daquele ano, terminando na quinta colocação. Em outubro deste ano, com a ajuda do interventor do Estado do Maranhão, Dr. Paulo Martins de Souza Ramos, o Estádio de Santa Izabel, de propriedade do clube, teve condições de realizar partidas noturnas. O Rubro-Negro maranhense teve a primazia de disputar a primeira partida noturna na Cidade de São Luís. Em volta do Estádio foi construída uma pista para provas de motociclismo.

Em 1944 conquista seu primeiro título estadual, que seria o início de um hepta-campeonato, foi campeão de 1944 a 1950. Neste período, em 1948, conquista um dos títulos mais importante da Região Norte do Brasil: A Taça dos Campeões do Norte que, além do Moto, teve a participação do Paysandu (campeão invicto do paraense de 1947) e Fortaleza (campeão cearense de 1947).

No ano de 1960, o Moto Club disputou pela primeira vez uma competição oficial da Confederação Brasileira de Desportos (atualmente Confederação Brasileira de Futebol), denominada Taça Brasil, que reunia todos os campeões estaduais e classificava o campeão para a Taça Libertadores da América. O Rubro-Negro maranhense foi vice-campeão da zona norte e oitavo geral no geral. No Campeonato Brasileiro da Série A estreou em 1973, ficando na 39ª colocação. Sua última participação na Série A foi no ano de 1986 (55° colocado).

No dia 14 de setembro de 2003, o Centro de Treinamento do Moto Club de São Luís, denominado "Dr. José Pereira dos Santos" foi oficialmente inaugurado. O CT conta com dois campos de futebol de medidas oficiais. O campo principal é utilizado pelo time principal e recebeu o nome de "Hamilton Sadias Campos", o maior artilheiro de todos os tempos do Moto Club de São Luís. O outro campo é utilizado pelas divisões de base do clube e recebeu o nome de "Baezinho". Além dos campos, o CT tem vestiário, rouparia, sala da presidência, sala de troféus, sala de imprensa, sala de reuniões e departamento médico.

O Moto Club é o segundo maior vencedor do estado com 24 conquistas.
O Primeiro e único estádio
O primeiro Estádio do Moto Club foi o Santa Isabel, onde o Papão do Norte disputou suas partidas de 1939 até 1950. O Estádio era de propriedade do ex-Presidente do Moto Club, César Alexandre Aboud, industrial proprietário da fábrica Santa Isabel, no Bairro da Fabril. O Estádio Santa Isabel foi demolido em 1972. No seu lugar foi erguido o prédio do Ministério da Fazenda em São Luís.
O Escudo
O Escudo é o principal símbolo do Moto Club de São Luis. Ele foi criado no formato de um brasão com o desenho no interior bem característico dos clubes de motociclismo e as argolas entrelaçadas simbolizando as diversas modalidades esportivas a que o Moto Club se dedica, tais como, o Futebol, o Atletismo, o Handebol e o Futebol de Salão, entre outras.
Apelidos e mascote
O mascote oficial do Moto Club é o "Papão". Os apelidos são "Papão do Norte", "Rubro-Negro da Fabril" e "Time Motense". O apelido "Papão do Norte" foi dado pela imprensa maranhense após uma bem sucedida excursão pelo norte do país. O apelido "Rubro-Negro da Fabril" foi dado em alusão às cores do clube e ao local da sede do Clube e do Estádio Santa Isabel (nome da fábrica do Sr. César Aboud), que ficavam no Canto da Fabril.
  História     |     Linha do Tempo     |     Arquivo
Fonte: Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br; http://motoclubsaoluis.blogspot.com.br; http://www.motoclubsl.com.br, www.motoclub.cjb.net e br.geocities.com/motoclubma.
Página adicionada 13 de setembro de 2008 - atualizada em 02/Dezembro/2012.
Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva
  História   |   Títulos   |   Hino   |   Diversos                                   + CLUBES
Pesquisa personalizada
FUNDADOR
João Mouchereck
João Mouchereck único fundador do Moto Club ainda vivo (Informação e foto de 24/Junho/2008)


Deputado Antônio Bacelar
O ex-presidente do Moto Club, deputado estadual Antônio Bacelar (PDT) (foto de abril/2008)


Papão, Mascote do Moto de São Luis
O Papão é o mascote oficial


Mascote Motoqueiro, do Moto de Sao Luis
Motoqueiro também é utilizado como mascote


Uniforme Oficial
Camisa utilizada em Junho/2008
Arquivo Campeões do Futebol - www.campeoesdofutebol.com.br - Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva - Desde 2005
* Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador