Arquivo
  Especiais
  + Futebol
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
CA Peñarol Club Atlético Peñarol
Fundado em 28 de setembro de 1891
Sede Social: Palacio Gaston Guelfi - Montevideo/URU
Estádio: José Pedro Damiani - Las Acacias (cap. 12.000)
Site oficial:: www.capeñarol.org
  História   |   Títulos   |   Presidentes   |   Diversos                        + CLUBES
História
FUNDAÇÃO
Em julho de 1890, a empresa inglesa Central Uruguay Railway Company (Ferrocarril Central del Uruguay) adquiriu 17 hectares de terra a dez quilômetros de Montevideu, num local que se chamava Peñarol. A empresa começou a funcionar em 01 de maio de 1891, quatro meses antes da fundação do clube.

Em 28 de setembro de 1891, as 08:00 horas da noite, se juntaram nas oficinas da Central Uruguay Railway Company quinze desportistas para começar a grande história de fundação do novo clube. Após duas horas de discussão, se formou o Conselho Diretivo com oito membros, sendo eleito presidente o Sr. Frank Henderson, que era gerente da empresa.

O novo clube teria o nome da empresa de CURCC (abreviação de Central Uruguay Railway Cricket Club), contando com 118 sócios fundadores, dos quais 45 eram uruguaios.

A primeira partida e também a primeira vitória do CURRC ocorreu em 1892 contra a equipe do colegio English High, com vitória por 2 a 0. Neste mesmo ano o novo clube enfrentou aquele que seria durante anos o grande Clássico do futebol uruguaio: a equipe do Albion.

O ano de 1900 marcou a fundação da The Uruguay Association Football League que mais tarde seria a AUF (Associacion Uruguaya de Fútbol). O CURRC seria um dos fundadores ao lado de Albion Football Club, Uruguay Atletic Club e Deutscher Fussball Klub e teria o primeiro presidente da Liga, o Sr. Percy D. Charter.

Neste mesmo ano seria disputado o primeiro campeonato Uruguaio com os membros fundadores tendo com campeão invicto o CURRC (6 jogos, 36 gols a favor e 2 gols contra). A estréia do CURRC foi com a equipe do Albion e vencida pelo placar de 2 a 1 - a histórica formação foi: Fabre; de los Ríos e Buchanan, Ward, Mazzucco e Davies, Pena, Acevedo, Lewis, Camacho e Jackson.

A mudança do nome
Em 13 de dezembro de 1913 iniciou um processo que mudaria a historia do club. Desde que foi fundado, existiram dois tipos de sócios - aqueles trabalhadores e dependentes da empresa de Ferrocarril, que podiam votar e ser votados para os cargos politicos dentro do clube, e aqueles socios não trabalhadores que não tinham voz nem voto. Esta seria a razão mais importante pelo qual estes últimos começaram a lutar pelos mesmos direitos dentro do clube.

Várias reuniões foram realizadas entre os dirigentes e uma Assembléia Representativa dos sócios não trabalhadores da empresa que culminaria na seguinte mudança: não mais haveria distinção de sócios.

Uma das grandes mudanças foi desvincular o nome do clube com da empresa e, em 12 de março de 1914, foi oficializado o nome Club Atlético Peñarol.
O novo campo
1921 - Assumiu a presidência o Sr. Julio Maria Sosa. Um dos seus primeiros atos como dirigente maior do clube foi construir um estádio em um local mais acessível aos torcedores. O local seria de tres hectares que possuia a empresa La Comercial, na estação Pocitos. Em outubro deste mesmo ano o campo, com medidas de 105 por 80 metros, já estava em condições de uso.

Desfiliação
Em 12 de novembro de 1922, a AUF (Associação Uruguaia de Futebol) decide desfiliar o Peñarol da entidade, numa tramóia política, da qual estaria envolvido o seu maior rival. O motivo até hoje é desconhecido - dizem, porém, que o Nacional seria um dos grandes responsáveis por tal medida, pois o Peñarol era campeão de grande parte dos campeonatos organizados pela entidade.

Peñarol funda um nova entidade
Após a desfiliação, o clube juntamente com o Central formam o que se chamou de Federación Uruguaya de Football (FUF). A esta nova entidade, dissidente da AUF, se juntaram o Miramar, Roland Moor, Rosario Central, Gladium, Las Piedras e Misiones.

No ano seguinte, em 1923, houve o primeiro campeonato uruguaio da FUF e o Peñarol foi o grande campeão (até os dias atuais a AUF não reconhece este titulo). Sómente em 1925 se reorganizou o futebol com a unificação das duas entidades com a volta do clube a jogar os campeonatos da AUF.

Gastón Guelfi e seus titulos
Gastón GuelfiNo ano de 1958, assume aquele que seria o presidente mais laureado do clube, o Sr. Gastón Guelfi (foto ao lado), que presidiu o clube até o ano de 1973, quando morreu no exercicio do cargo. Em seus anos de presidência ganhou tres Copas Libertadores, duas Copas Intercontinentais, o primeiro penta uruguaio, chamado de Quinquenio de Oro (1958, 1959, 1960, 1961 e 1962), num total de nove campeonatos uruguaio, entre outros torneios.


Peñarol x Nacional
- Este é o maior clássico do futebol uruguaio. Iniciou no longíquo ano de 1900, em 15 de julho - Peñarol 2x0 Nacional.
- Em 01 de novembro de 1911, no Parque Central, acontece a mior goleada deste clássico: Peñarol 7 a 3.
- Em 08 de novembro de 1925, na reunificação da FUF com a AUF, acontece o chamado "Clássico da Reunificação" - vitória do Peñarol por 1 a 0.
- Sete de agosto de 1932 acontece o primeiro clássico do profissionalismo com vitória, mais uma vez, do Peñarol.
- Entre os anos de 1985 e 1986 se jogou a chamada "Copa de Oro dos Grandes" - consistia em 08 encontros envolvendo as duas equipes, mas não foi necessário os oito jogos. O Peñarol ganhou os cinco primeiros encontros.
Fonte: Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br e site www.capenarol.com.uy
Página adicionada em 06 de janeiro de 2008.
  História   |   Títulos   |   Presidentes   |   Diversos                        + CLUBES
Pesquisa personalizada
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Arquivo Campeões do Futebol - www.campeoesdofutebol.com.br - Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva - Desde 2005
* Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador