Campeões do Futebol
Pesquisa personalizada
História do Inter de Porto Alegre

HISTÓRIA DO GRÊMIO FBPA

Grêmio PortoalegrenseGRÊMIO FOOT-BALL PORTOALEGRENSE
Fundado em 15 de setembro de 1903
Endereço: Largo Patrono Fernando Kroeff, 01
Bairro Azenha - Porto Alegre/RS CEP 90880-440
Estádio Olímpico Monumental
Site Oficial: www.gremio.net
  História     |     Fundadores     |     Títulos     |     Hino     |     1983     |     Gre-Nal
  Foto Galeria     |     Diversos                                                                             + CLUBES
O paulista Cândido Dias foi o responsável pela fundação do Grêmio. Com ele chegou a Porto Alegre, segundo muitos, a primeira bola de futebol da capital gaúcha. A bola deu origem à primeira "pelada" e este primeiro jogo rendeu uma reunião no dia 15 de setembro de 1903 num prédio na Rua José Montaury - centro de Porto Alegre. Trinta e um jovens compareceram e Carlos Bohrer foi eleito o primeiro presidente do Grêmio Foot-ball Portoalegrense, sem jamais imaginar a projeção mundial que o recém-nascido clube um dia alcançaria.

As cores escolhidas para o clube foram o havana (quase alaranjado) e o azul. A falta de tecidos havana no comércio fez com que houvesse uma alteração no uniforme. A cor foi substituída pelo preto, com a incorporação posterior do branco.

Em 6 de março de 1904, foi marcado o primeiro desafio, contra o Fuss-Ball Club Porto Alegre – então, o único outro clube da cidade, fundado exatamente na mesma data. Predestinado, o Grêmio venceu. Os jornais registraram aquele disputado 1x0, que deu início à conquista do primeiro troféu da história Tricolor, o Wanderpreis.

O primeiro campo efetivo do clube foi a Baixada do Moinhos de Vento (em 1904), que ficou conhecido como "fortim", dada a dificuldade dos adversários baterem o time em seus redutos. Nos anos 30 surgiram os primeiros grandes ídolos: Eurico Lara, o goleiro que virou lenda; Luiz Carvalho, o "rei da virada" que viria a ser tudo no clube, inclusive presidente nos anos 70; Oswaldo Rolla, o "Foguinho", que revolucionaria o futebol gaúcho anos depois no cargo de treinador do próprio Grêmio, dando ênfase ao futebol-força ou ainda Luiz Luz, zagueiro com passagem pela seleçao brasileira.

Em 1954 o clube trocou de casa. Saiu do "Fortim da Baixada" e se transferiu para o moderno Estádio Olímpico. A mudança abriu uma era de conquistas com os gremistas comemorando, a partir de 1956, nada menos do que 12 títulos estaduais em 13 anos. Foi a geração de craques com o zagueiro Aírton, o meia Gessi, o centroavante Juarez - o "tanque" ou o lateral Ortunho. Em 1980, o clube concluiu a ampliação do Estádio Olímpico, que passou a se chamar Olímpico Monumental

Os anos 80 foi os melhores vividos pela torcida. Eram os tempos de Renato Gaucho, Mario Sergio, De Leon, Tita, o goleiro Mazzaropi e as conquistas do Brasileiro, Libertadores de America, Mundial Intercontinental e de quebra a Copa do Brasil, Estaduais e varios torneios nacionais e internacionais.

CURIOSIDADES
» - Acima do escudo do clube, na camiseta, estão três estrelas em cores diferentes. Uma significa os títulos nacionais, outra significa as conquistas da Libertadores da Amêrica e a terceira (dourada) lembra o título mundial.
» - Até os anos 50 o Grêmio nunca havia admitido um jogador negro. Tesourinha, ex-craque do arqui-rival Internacional, quebrou o preconceito ao sair do Vasco para jogar no Grêmio em 1953. Desde então não existe qualquer tipo de preconceito.
» - O primeiro jogo de futebol disputado pelo Gremio foi em 1903 contra o Fussball Club Porto Alegre, o resultado até hoje permanece desconhecido.
» - O Grêmio tambem inaugurou o rival Internacional em 1909. Na primeira partida entre ambos (que tambem era a primeira partida do recem fundado Internacional), o Gremio aplicou a maior goleada entre os dois clubes, 10 a 0. Veja a História do jogo.
» - Alcindo é o maior artilheiro da história do Grêmio com 261 gols no periodo de 1963 a 1971.

EURICO LARA - CRAQUE IMORTAL QUE VIROU LETRA DO HINO
Talvez, não haja no país, a história de um atleta tão identificado com o clube que seu nome tenha ido parar na letra do hino oficial da instituição. Esse é o caso de Eurico Lara (foto ao lado), um goleiro natural de Uruguaiana que, na época do amadorismo, defendeu as cores do Grêmio em 16 temporadas (de 1920 a 1935). Graças aos seus elevados dotes morais e técnicos, Lara, ainda hoje, é tido como símbolo do jogador gaúcho e uma verdadeira lenda dentro destes mais de 100 anos de história do Grêmio.
  História     |     Fundadores     |     Títulos     |     Hino     |     1983     |     Gre-Nal
  Foto Galeria     |     Diversos                                                                             + CLUBES
Sidney barbosa da SilvaPesquisas de Sidney Barbosa da Silva
Fonte das Informações: www.gremio.net e Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br
Página adicionada em 2006; atualizada em 19/Novembro/2012.
  CAMPEÕES   ESPECIAIS
  + ESPECIAIS   + FUTEBOL
Primeiro escudo do Grêmio FBPA
Escudo de 1903



Primeiro Presidente
Carlos Luiz Bohrer
O primeiro presidente



Mascote
Mosqueteiro
Criado em 1946.



O Imortal Eurico Lara
EURICO LARA
CRAQUE IMORTAL QUE VIROU LETRA DO HINO
Carros antigos nacionais e importados História do Sport Club Rio Grande (RS)
   Home      Historiadores      Blog Campeões      Loja Campeões
  Arquivo Campeões do Futebol - Desde 2005 | Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva | Hospedagem SBSites Brasil
 
  * Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador