Campeões do Futebol
Pesquisa personalizada
História do CR Flamengo (RJ)

MASCOTES DO GLORIOSO

História »  Parte 1   »   Parte 2     |     Títulos     |     Hinos     |     Símbolos     |     Presidentes
 Recordes   |   Clássico Vovô   |   + Clássicos   |   Galeria   |   Diversos                  + CLUBES
  + SIMBOLOS  »»     Distintivos       |       Mascotes       |       Uniformes
ManéquinhoManequinho

A estátua que reproduz o "Maneken Piss" enfeita uma praça de Bruxelas, na Bélgica. Em 1922, uma cópia da estátua foi construída no Mourisco, bem em frente a sede social do Botafogo. No campeonato de 1957, um torcedor vestiu a estátua com a camisa do Botafogo. A partir daí, torcedores consideram-na como mascote e toda vez que o Botafogo é campeão a estátua é vestida novamente. Por ser uma fonte, alguns bebem da água para comemorar.


Mascote Pato DonaldPato Donald

A primeira mascote conhecida "oficialmente" no Botafogo refere-se ao Pato Donald. O chargista argentino Lorenzo Mollas associou, na década de 1940, o Pato Donald ao Glorioso. O motivo é que a figura do Pato Donald reclama os seus direitos, luta, briga e defende-se, exatamente como os dirigentes botafoguenses da época. E, segundo Mollas, "sem perder a sua elegância ao deslizar pelas águas".

A torcida do Botafogo gostou do "boneco" e adotou-o. Todavia, a figura pertencia à Walt Disney e a sua utilização ficava muito cara ao Botafogo. A mascote não pôde ser oficialmente adotada. No entanto, a figura do Pato Donald, quer queira ou não, continua a estar ligada ao que o Botafogo representa como equipe de luta, de briga e de defesa dos seus direitos.

O cachorro Biriba (1946-1958)

Biriba, o MascoteBiriba era um simpático vira-lata preto e branco que Macaé, reserva do Botafogo achara na rua e levara para o clube. O Botafogo venceu naquela semana, com Biriba no banco de reservas e a partir daí, Carlito Rocha adotou-o como Mascote.

Supersticioso e determinado, Carlito Rocha, levou o vira-latas Biriba a todas as partidas do Botafogo no Campeonato Carioca de 1948. Ele achava que o cachorro dava sorte e ai daquele que tentasse barrar o animal. A diretoria do Vasco tentou impedir a entrada de Biriba em São Januário. Carlito Rocha não fez por menos, colocou o cachorro embaixo do braço e desafiou: "Ninguém impede o presidente do Botafogo de entrar onde quer que seja e quem estiver com ele entra, com certeza" garantia Carlito. Com a presença de Biriba, em 19 jogos, o Botafogo venceu 17 partidas e empatou as outras 2 no campeonato e sagrou-se campeão, após jejum de 12 anos.

E a partir dele que o cachorro foi adotado como mascote. Anos depois o cachorro passou a ser um símbolo bastante admirado pelos torcedores alvinegros. Além disso as torcidas adversárias apelidaram a torcida do clube como "A Cachorrada".

MORREU “BIRIBA”, CAMPEÃO DE 1948 (Fonte: O Globo, de 11-08-1958).

Com 12 anos de idade, praticamente cego e sofrendo do coração nos últimos anos, morreu ontem, à noite, vitimado por um colapso, o cachorro “Biriba”. Trata-se da antiga mascote do Botafogo, que acompanhou o “team” alvinegro em toda a campanha gloriosa de 1948, participando inclusive dos festejos do clube pela conquista do título de campeão da cidade.

“Biriba” morreu na residência do seu dono, a Rua Raul Pompéia (Copacabana), o zagueiro Macaé, que foi o seu lançador como mascote do “team” naquele campeonato de 1948.
  + SIMBOLOS  »»     Distintivos       |       Mascotes       |       Uniformes
História »  Parte 1   »   Parte 2     |     Títulos     |     Hinos     |     Símbolos     |     Presidentes
 Recordes   |   Clássico Vovô   |   + Clássicos   |   Galeria   |   Diversos                  + CLUBES
Fonte: www.botafogonocoracao.com.br e O Globo, de 11-08-1958
Pesquisas realizadas por Sidney Barbosa da Silva e Pedro Varanda
Página adicionada em 07/Fevereiro/2009 - atualizada em 28/Abril/2011.
  CAMPEÕES   ESPECIAIS
  + ESPECIAIS   + FUTEBOL
Portal SBSites História do America FC (RJ)
   Home      Historiadores      Blog Campeões      Loja Campeões
  Arquivo Campeões do Futebol - Desde 2005 | Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva | Hospedagem SBSites Brasil
 
  * Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador