HISTÓRIA DO BONSUCESSO (RJ)


Bonsucesso FC (RJ)  BONSUCESSO FUTEBOL CLUBE
  Fundado em 12 de outubro de 1913
  Endereço: Av. Teixeira de Castro, 54, Bonsucesso, Rio de Janeiro (RJ), CEP 21040-010
  Site: www.bonsucessofcrj.com.br (destivado)


+ Clubes do Brasil Clubes do Mundo Clubes Amadores + FUT-CARIOCA


Em 12 de outubro de 1913 um grupo de jovens esportistas, a maioria entre 12 e 16 anos, praticantes de peladas do bairro, dentre os quais se notavam os seguintes: Francisco José da Silva Leitão, Alamiro de Castro Leitão, Sebastião de Souza Araujo, Antonio Botelho de Araujo, Giovani Leandro da Motta, Annibal Soares de Alvarenga, Alvaro Soares de Alvarenga, Alberto de Souza Carvalho, Antoneli de Abreu Coutinho, Plinio de Abreu Coutinho, Antonio França Leite, Antonio Pinto Valença, Paulo de Souza Carvalho, Custodio Costa Fróes, Venancio Gomes, Miguel Onida, Jurema Araujo, Carlos Natal, Henrique Amaral, Octavio Xavier, Candido Stoffer, Mauricio Brunner, Jorge Mertens e vários outros, reunidos na residência de Alamiro Leitão, à Estrada da Penha, fundaram um clube destinado à prática de futebol.

Francisco da Silva Leitão, pai do consagrado zagueiro Alamiro Leitão, estava à frente desse movimento e assumiu a presidência do novo clube que recebeu o nome de Bonsucesso Futebol Clube, como homenagem ao bairro em que residiam os seus fundadores. Abaixo foto da primeira equipe, formada em Outubro de 1913.

primeira equipe do Bonsucesso em 1913O Bonsucesso é Membro Fundador da Liga de Futebol do Rio de Janeiro (liga embrionária da atual Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro), Liga Carioca de Basquete; Liga Carioca de Atletismo e Federação de Tênis do Rio de Janeiro (Campeão da Divisão C). Suas cores ultrapassaram as fronteiras dos campos de futebol. Possui títulos no Vôlei, Basquete, Ciclismo, Handebol e Futsal.

Um destaque fora do esporte foi a Escola de Instrução Militar. Fornecia à Pátria, anualmente, duas centenas de reservistas.

Em 1918, o clube já participava dos campeonatos da Liga Suburbana, antecipando seu ingresso no campeonato da 2ª divisão da Liga Principal da Cidade.

Seu primeiro campo foi na Rua Uranos, inaugurado em 03 de fevereiro de 1918, Bonsucesso FC 3 x 4 River FC, árbitro: Máximo Martins. Seu segundo campo foi na Av. dos Democráticos, inaugurado em 03 de maio de 1927. Jogo preliminar: Bonsucesso 4 x 1 Olaria, jogo principal: São Cristóvão AC, atual São Cristóvão FR 4 x 2 CR Flamengo.

Em 1931, o Bonsucesso FC trocou seu velho campo da Estrada Norte por outro mais moderno na Rua Teixeira de Castro, com uma capacidade para receber 10.000 pessoas. Logo, o estádio foi batizado "estádio Leônidas da Silva" em homenagem ao maior jogador que já passou pelo clube. A primeira vez que Leônidas executou essa jogada foi em 24 de abril de 1932, em uma partida entre "Bonsucesso" e "Carioca", com vitória do Bonsucesso por 5 X 2.

O primeiro jogo, bem como a primeira vitória, foi um 3 a 1, contra o Clube Atlético Riachuelo, então integrantes da Liga Suburbana de Futebol. O Bonsucesso nasceu alvi-rubro, mas ao trocar o branco pelo azul, solidificaria como o famoso rubro-anil da leopoldina. No futebol, as duas primeiras décadas, foram de glórias nas disputas das equipes principais.

Em 1929, estreou na 1ª divisão do Campeonato Carioca e empatou com o Flamengo, na Rua Paissandu por 3 a 3.

O Bonsucesso é o clube com maior número de títulos na 2ª divisão: sete ao todo. O clube participou de duas Taças de Prata, atual Série B do Brasileiro, (1980 e 1983), perfazendo um total de 16 jogos, com 5 vitórias, 4 empates e 7 derrotas.

No âmbito internacional, o Bonsucesso ficou invicto em 26 partidas: 15 jogos, em 1961, 4 partidas em 1962 e 7 jogos em 1963 e figura com destaque entre os clubes brasileiros com currículo no exterior onde jogou perto de 200 partidas, sendo um verdadeiro demolidor de seleções. As mais expressivas vitórias internacionais foram estas: na Bulgária, contra a seleção búlgara por 3 a 2; na Romênia contra o campeão Rapid de Bucarest, por 1x0; contra a Seleção Chilena, por 2x1; contra o campeão peruano, o Alianza, por 2x0; contra o Guadalajara do México, por 3x1; contra as seleções do Líbano por 5x1; Síria, por 1x0; Jordânia, por 4x1; Líbia, por 6x1; Porto Rico, por 2x1; El Salvador, por 3x0, contra o Santa Fé, da Colômbia, por 2x1; em Frankfurt, na Alemanha, por 2x0; na Polônia, contra o Kawich por 2x1; na França contra o Reins, por 2x1; na Venezuela, contra o Circuito Italiano, por 3x2; na Noruega contra o Skai, por 1x0 e na Espanha contra o Español de Barcelona por 2x1, o River Plate, da Argentina, por 1 a 0, em um torneio na cidade de La Corunã. Possui mais de 170 partidas internacionais.

O Bonsucesso ganhou dois títulos de torneio na Bahia. Esta façanha foi conseguida num intervalo de apenas dois anos, de 1959 a 1961.

Nos anos 30, coube ao Bonsucesso a honra de possuir a linha mais famosa do país, com as presenças de Gradim e Lêonidas da Silva. Disputaram inclusive o Copa Rio Branco pela Seleção Brasileira em 1932. Gradim é o maior artihleiro da história do Bonsucesso FC.

MOMENTO ATUAL

A realidade é bem diferente do período romântico do futebol. Hoje o clube tem uma torcida composta por antigos moradores do bairro. Apesar de comemorar aniversário no dia das crianças, o público infantil não conhece o Bonsucesso. A parcela de renovação é pequena e o clube foi perdendo popularidade com o ostracismo e a não realização dos clássicos que movimentavam a leopoldina. Em 2018 disputa a elite do campeonato carioca (Série A).

HINO DO CLUBE
Autor – Lamartine Babo

Para a torcida rubro-anil palmas eu peço,
Na Leopoldina, em cada esquina, quem domina é o Bonsucesso;
E lá surgiu um jogador sensacional:
Surgiu Leônidas, o maioral!
Quando a turma joga em casa a linha arrasa:
Que baile! Que troça!
A torcida grita em côro e não há choro:
-"A vitória hoje é nossa! "
 
TODOS OS TÍTULOS

CATEGORIA PRINCIPAL

Campeonato Carioca da 2ª Divisão: 1921 (LMDT), 1926 (AMEA), 1927 (AMEA), 1928 (AMEA), 1981, 1984, 2011

Campeonato Carioca de Segundos Quadros da 2ª Divisão: 1927

Campeonato Carioca da 3ª Divisão: 2003

Campeonato Carioca de Terceiros Quadros da 3ª Divisão: 1920 (LMDT)

Campeonato Carioca de Juvenis/Sub20: 1939

Liga Municipal: 1914

Torneio Suburbano da Leopoldina: 1915

Liga Suburbana de Futebol - 1ª divisão: 1919

Liga Suburbana de Futebol - 2ª divisão: 1918

Liga Suburbana de Futebol - Segundos Quadros da 2ª divisão: 1918

Campeão da Série B da Liga Metropolitana de Desportos Terrestres, disputando o título carioca com o Vasco na série A e com o Engenho de Dentro na série C: 1924

Torneio Quadrangular de Juiz de Fora: 1952

Torneio Triangular de Araguari: 1954

Torneio Adroaldo Ribeiro Costa (na Fonte Nova, Salvador/BA): 1959

Torneio Quadrangular de Feira de Santana (Bahia): 1961

Torneio Pentagonal de Tampico (México): 1963

Torneio Paulo Rodrigues pela Federação Carioca de Futebol (no Maracanã, Rio de Janeiro): 1967

Torneio Waldir Benevento pela Federação Carioca de Futebol: 1976 (Invicto)

Torneio Incentivo Manoel Gomes da Silva da FERJ: 1982.

Taça Santos Dumont - 1° Turno da Série B (classificação para o Triangular Final - vice-campeão): 2013

CATEGORIAS MENORES

Campeonato Carioca Junior da 2ª Divisão: 1981

Campeonato Carioca Infantil (Sub 15): 1975

ABS Cup (Sub 15): 2004

FEMININO

Campeonato Carioca Juvenil Feminino (Invicto): 1983

TAÇAS

Taça Disciplina: 1951 (FMF), 1956 (FMF), 1968 (Federação Carioca de Futebol)

Obs: LMDT - Liga Metropolitana de Desportos Terrestres; AMEA - Associação Metropolitana de Esportes Atléticos; FMF - Federação Metropolitana de Futebol.


Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva.
Fontes: Revista Rubro-Anil, Ano I, Nº 5/Dez/1938 (foto da equipe de Out/1913); georgejoaquim.blogspot.com.br/; Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br; acervorubroanil.blogspot.com.br; ArchiveOrg www.bonsucessofcrj.com.br; fferj.com.br/ClubesLigas.
Página adicionada em 08/Fevereiro/2018.

 

Shopping Campeões do Futebol

Ir ao Topo